Posts

A curcumina, composto encontrado no açafrão, se mostra eficaz em prevenir inúmeros cânceres. (em inglês).

Abaixo do texto original segue o artigo traduzido para português, porém como a tradução é automática o texto contém muitos erros.

 

Dieta-do-Açafrão-1Turmeric, the bright yellow root that is ground and put in foods for its deep flavor and beautiful color, is not only a tasty addition to curries and salads, but is also a known cancer-fighter. Turmeric is most often found in cuisines of the Middle East, Northern Africa, and Southeast Asian regions, but as the health benefits of this classic spice become more widely known, its popularity is growing.

Responsible for many of its benefits, curcuminoids are the active components of turmeric. Curcumin, one of these specific compounds, is frequently cited as the most potent component of the spice, though the term is also used applying to cucuminoids as a whole.

As Anthony Guicciardi reported more than three years ago, scientists studying the effects of curcumin found it to be a potent medicine when used against brain cancer cells. Glioblastoma (GBM) is a fatal form of brain cancer. The study published in the Journal of Nutritional Biochemistry found that curcumin was able to decrease these tumors by 81 percent in 9 out of the 11 studies.

Another study in 2008 looked specifically at the effects of curcumin on breast cancer cells. The researchers found the compound was able to inhibit the spread and growth of these cells by altering the function of alpha-6 beta-4.

In addition, scientists revealed that curcumin is able to also go to the source of the cancer—inhibiting cancer stem cells.

As far back as 1996, scientists were reporting on the anti-cancer properties of turmeric, finding that“even low doses of turmeric inhibit the accumulation of DNA mutations, reduce DNA damage, repair precancerous lesions, lower the urine concentration of mutagenic chemicals in smokers and inhibit formation of tumors in the breast, gut, mouth and skin,” according to NaturalNews.

Few studies have been carried out in a clinical setting. Instead, these benefits are being revealed in labs, where curcumin is directly applied to cells. Still, if the spice is working at a cellular level, it isn’t a stretch to imagine that it would have similar benefits when working on the body as a synergistic system.

Fonte: Natural Society.

Tradução feita pelo Google translator.

Cúrcuma, a raiz amarela brilhante que é terra e colocar em alimentos para o seu sabor profunda e bela cor, não é apenas um saboroso além de curries e saladas, mas também é um lutador de câncer conhecido. Cúrcuma é mais freqüentemente encontrados em cozinhas do Oriente Médio, África do Norte, e regiões do sudeste asiático, mas como os benefícios para a saúde deste tempero clássico tornar-se mais amplamente conhecido, a sua popularidade está crescendo.

Responsável por muitos dos seus benefícios, curcuminoids são os componentes ativos de açafrão. A curcumina, um desses compostos específicos, é freqüentemente citado como o componente mais potente do tempero, embora o termo também é usado para aplicar cucuminoids como um todo.

Como Anthony Guicciardi relatou mais de três anos atrás, os cientistas que estudam os efeitos da curcumina achei que fosse um medicamento potente quando usado contra células de câncer cerebral.Glioblastoma (GBM) é uma forma fatal de câncer no cérebro. O estudo publicado na revista do Journal of Nutritional Biochemistry descobriu que a curcumina foi capaz de diminuir estes tumores em 81 por cento em 9 dos 11 estudos.

Outro estudo, em 2008, analisou especificamente os efeitos da curcumina em células de câncer de mama. Os investigadores encontraram o composto foi capaz de inibir a proliferação e o crescimento destas células, alterando a função de alfa-6-beta-4.

Além disso, os cientistas revelaram que a curcumina pode também ir para a origem das células estaminais do cancro inibidora de cancro.

Já em 1996, os cientistas estavam relatando sobre as propriedades anti-câncer de açafrão, achando que “mesmo pequenas doses de açafrão inibir o acúmulo de mutações no DNA, reduzir os danos de DNA, reparar lesões pré-cancerosas, diminuir a concentração de urina de substâncias químicas mutagênicas em fumantes e inibe a formação de tumores na mama, do intestino, da boca e da pele “,de acordo com NaturalNews.

Poucos estudos foram realizados em um ambiente clínico. Em vez disso, esses benefícios estão sendo revelados em laboratórios, onde a curcumina é aplicada diretamente às células. Ainda assim, se o tempero está trabalhando em um nível celular, não é um exagero imaginar que teria benefícios semelhantes ao trabalhar sobre o corpo como um sistema sinérgico.